FILE SÃO PAULO 2022 – SUPERCRIATIVIDADE

FILE SÃO PAULO 2022

FILE Festival Internacional de Linguagem Eletrônica

13 de Julho a 28 de Agosto

Quarta a Domingo, 10h – 20h

Centro Cultural FIESP

 

Imagem: André Lenz

SUPERCRIATIVIDADE

A criatividade supera obstáculos e constrói novas realidades. Em cada momento, como diz a Filosofia, a arte se encontra fechada na clausura de sua época. No entanto, a criatividade produz de tempos em tempos fissuras que permitem à arte atravessá-las para novos universos. E é quase uma norma dizer que a criatividade é uma propriedade exclusiva da arte.
A criatividade não se limita apenas às artes. Ela também acontece em todas as demais disciplinas da Cultura. Desta forma, ela deixa de ser somente criatividade no sentido estético e passa a ser uma Supercriatividade: a somatória de todos os motores criativos que permeiam e se conectam à nossa cultura.
Na economia, nós a vimos aparecer na “criatividade destrutiva” de Joseph Schumpeter e na “teoria disruptiva” de Clayton Christensen. Nas Matemáticas, a vimos na criação da máquina universal de Alan Turing, na construção de células autônomas de John von Neumann e nos circuitos lógicos eletrônicos de Claude Shannon.
Eles criaram, com muitos outros criativos, as máquinas inteligentes que originaram a Inteligência Artificial. A Supercriatividade, no entanto, não é uma propriedade da Inteligência Artificial, mas a sua própria inventora. A Supercriatividade, em parceria ou não com a Inteligência Artificial, é e será a principal condição para o desenvolvimento do mundo em todos os seus matizes.

Ricardo Barreto and Paula Perissinotto
Organizadores e fundadores do FILE

 

 

Conversa com artista | FILE São Paulo 2022

Nesta edição, os artistas Robin Baumgarten e Birk Schmithüsen, com a mediação de Fernando Velázquez, trataram de seus processos de concepção e produção de suas obras para a exposição SUPERCRIATIVIDADE. Acesse aqui a palestra online completa.

 

 

 

INSTALAÇÕES
PROGRAMAÇÃO

 

1. Joon Y Moon – Inside – Coreia do Sul | South Korea

Formas fantasmagóricas e espectrais são reveladas ao espectador através de uma lanterna ao navegar pela instalação numa narrativa enigmática.

 

2. Lu Yang – The Great Adventure of Material World – Game Film – China

Através das estratégias de games, Lu Yang desenvolve reflexões filosóficas, propondo questões sobre vida e morte, sobre múltiplas sexualidades do mundo atual e narrativas fantásticas, nas quais, numa ascensão apoteótica, luta até contra si.

 

3. Marpi Studio – Wave Atlas – Estados Unidos | United States

Mundo aquático repleto de vida digital no qual se pode criar e descobrir seres biológicos artificiais. Quanto mais interação, mais rica é a ecologia deste mundo.

 

4. Playmodes Studio – VJYourself! – Espanha | Spain

​VJYourself! é uma obra​ interativa​ na qual o visitante ​cria​ múltiplas ​coreografias em um único plano.

 

5. Birk Schmithüsen – Speculative AI Series – Alemanha | Germany

A instalação é um experimento estético projetado para tornar perceptíveis processos de redes neurais artificiais. Dois sistemas de IA (Inteligência Artificial) independentes foram configurados para se comunicar entre si numa linguagem inventada de associações audiovisuais.

 

6. Fernando Velázquez – #L1, after Dan Flavin – Uruguai, Brasil | Uruguay, Brazil

A instalação de Fernando Velasquez reescreve a concepção escultórica luminosa e minimalista do artista Dan Flavin, tornando-se uma instalação cinética executada por programação algorítmica.

 

7. Heart Machine – Solar Ash – Estados Unidos | United States

Viaje por um mundo surreal, vívido e altamente estilizado, cheio de mistério, travessias selvagens em alta velocidade, personagens cativantes e grandes encontros com inimigos. O Vazio está chamando…
Use os controles do PlayStation.

 

8. Louis-Philippe Rondeau – Liminal – Canadá | Canada

O portal luminoso transporta o espectador para um tempo espaço criativo.

 

9. Robin Baumgarten – Quantum Jungle – Alemanha | Germany

Quantum Jungle é uma Instalação interativa que, por meio dos conceitos da física quântica, principalmente das equações de Schrodinger, permite ao público vivenciar o comportamento das partículas subatômicas no mundo quântico.

 

10. Sung Rok Choi – Great Chain of Being – Coreia do Sul | South Korea

A “grande cadeia do ser” é um conceito filosófico antigo segundo o qual há um deus no topo da estrutura do mundo, e abaixo anjos, animais, plantas e elementos. Uma tentativa de explicar as estruturas hierárquicas e relações do mundo. Porém, a nova estruturação contemporânea faz com que a antiga visão de mundo se transforme através da tecnologia numa estrutura com robôs, máquinas, pessoas, animais e entidades virtuais ou digitais.

 

11. Terence Broad – (un)stable equilibrium – Inglaterra | England

Terence Broad desenvolve um trabalho com cores, que resulta numa competição cromática utilizando AI (Inteligência Artificial) e GANs (REDES ADVERSÁRIAS GENERATIVAS).

 

12. Ricardo Barreto – ÁTOPOS – Brasil | Brazil

ÁTOPOS é um jogo multidimensional, disruptivo e estratégico.

 

13. Camila Magrane – Traces – Venezuela

Uma série de colagens e uma coleção de Polaroids de filmes instantâneos são acompanhadas por animações e videoclipes cativantes vistos exclusivamente pelo uso do aplicativo de realidade aumentada (Virtual Mutations)

 

 

AVANT DIGITAL ART

14. Jon rafman – Disasters Under the Sun – Canadá | Canada

A obra retrata uma distopia pós-humana habitada por avatares azuis inexpressivos e continuamente torturados por uma força onipotente desconhecida. Numa combinação assombrosa de simulações de multidões geradas por computador e vistas inquietantes de um colonoscópio, o vídeo medita sobre o atrito entre individualidade, a ansiedade coletiva do controle algorítmico e a violência da simulação virtual.

 

15. Leo Castaneda – Levels and Bosses – Estados Unidos, Colômbia | United States, Colombia

Aventura transmídia que explora mundos neo-primordiais. Paisagens, tecnologia e seres estão interconectados de forma identificável. Um ciborgue pós-humano na busca por entender seu impacto nos biomas ao seu redor depois de uma explosão cataclísmica. A obra oferece uma reflexão para futuros mais sustentáveis.

 

16. John Butler, Martina Morger & Lina Theodorou – Gaitkeeper, J-Life, People should work, Unparent – Reino Unido | United Kingdom

Crítico das tendências tecnológicas como a IA (Inteligência Artificial) e o Machine Learning (Aprendizado de máquina), em suas obras, John Butler imagina o futuro dos espaços urbanos, das relações interpessoais e profissionais, do mercado, da política e da própria reformulação humana em decorrência da maquinarização.

 

17. Sam Rolfes – Studio Visit: Stages One, Two, Three, & Final – Estados Unidos | United States

Combinando design maximalista e uma estrutura narrativa excepcionalmente rígida, Rolfes cria performances ao vivo, vídeos e experiências que seguem uma espécie de lógica de sonho de videogame, um universo que ele supervisiona como construtor desse mundo e principal antagonista, criticando continuamente sua própria prática com tom irônico e a sagacidade do zombador.

 

18. Sam Twidale & Marija Avramovic – The Zone – Sérvia & França | Serbia and France

A obra toma como ponto de partida o romance de ficção científica Roadside Picnic, de Arcady e Boris Strugatsky. Entre em “The Zone” para explorar uma terra desconhecida repleta de vestígios de uma espécie alienígena que a habitou brevemente antes de devolvê-la às mãos humanas.

 

 

GAMES

19. Enhance, Monstars Inc. & Resonair – Rez Infinite – Japão & Estados Unidos | Japan & United States

Em Rez Infinite, experimente uma sinestesia alucinante em 360 graus enquanto atravessa ondas de inimigos e chefes gigantes que se transformam. Cores e sons se mesclam e sincronizam com o beat da famosa trilha sonora techno de Rez.

 

20. Enhance, Monstars Inc. & Resonair – Tetris® Effect – Japão & Estados Unidos | Japan & United States
Em Tetris Effect, experimente um dos jogos mais populares de todos os tempos como você nunca viu, ouviu, ou sentiu antes – uma reinvenção viciante e única.

 

21. kaleidoscube – A Juggler’s Tale – Alemanha | Germany
A Juggler’s Tale é um quebra-cabeça cinemático e esperançoso sobre Abby, a marionete, que tenta achar seu caminho para a liberdade. Leve Abby por um mundo ferido, mas belo, nesta poética aventura. Desvende enigmas, evite armadilhas e despiste perseguidores em seu caminho.

 

22. The Game Bakers – Haven – França | France
Dois amantes largaram tudo para trás e escaparam para um planeta perdido para ficarem juntos. Jogue como esses amantes, Yu e Kay, enquanto eles se estabelecem num mundo desconhecido e misterioso.

 

 

EXPOSIÇÃO ADESIVO

RAQUEL MEYERS | Espanha

Concepção: Ricardo Barreto

Curadora da Exposição Adesivo: Clarissa Oliveira

Design: Estúdio Quadradão

Obras

1 – Empath 

2 – Fingers of Doom 

3 – RAIN PART I – [THE OWL] 

4 – Vladijenk II (The corroded mainframe at Tartarus edition)

 

 

ANIMA+

PROGRAMAÇÃO

 

1. Andy Lomas – Cellular Forms – Reino Unido | United Kingdom
2. AUJIK – Ecophagy – Japão | Japan EMAIL ENVIADO
3. AUJIK – Spatial Bodies: Shenzhen & Hong Kong – Japão | Japan
4. Barry Whittaker – An Aversion to Nature – Estados Unidos | United States
5. Celia Eid – Punto Agitato – Brasil | Brazil
6. Christina G Hadley – Holy Krap! – Itália | Italy
7. Crictor Studio – Au revoir Balthazar – Suiça | Switzerland
8. Cornel Swoboda – Oligarchs – Alemanha | Germany
9. Eddy Loukil – The Bittergrey Triptych: Division – Canadá | Canada
10. Eddy Loukil – The Bittergrey Triptych: Exploitation – Canadá | Canada
11. Eddy Loukil – The Bittergrey Triptych: Persecution – Canadá | Canada
12. Evond Blake – DA’IQ FLIGHT – Canadá | Canada
13. Faiyaz Jafri – Drowning Girl – Estados Unidos | United States
14. Faiyaz Jafri – Jack – Estados Unidos | United States
15. Felix Dierich – A Year Along the Geostationary Orbit – Alemanha | Germany
16. Fran Lejeune – Falldown – França | France
17. Gareth Walsh – Rhombus – Estados Unidos | United States
18. Gigoia Studios: Carlos Monteiro, Camila Candal – FAUVISTa Sailboats VR 360 – Portugal
19. Gigoia Studios: Carlos Monteiro, Camila Candal – IMPRESSIONISTa Water Lilies VR 360 – Portugal
20. Glasz DeCuir – You Have NO CHOICE. Yes I saw an angel – Espanha | Spain
21. João Pedro Paiva de Oliveira – Things I Have Seen in My Dreams – Estados Unidos | United States
22. Kawai+Okamura – Mood Hall – Japão | Japan
23. Kyle Zeto Thorne – Dark Spring – Não indicado
24. Lilian Robl – kip•pen – Alemanha | Germany
25. Lino Strangis – DREAMLIKE OF A PRESENT FUTURE – Itália | Italy
26. Marcos Montané – dsDNA(RT) – Argentina
27. Max Hattler – Divisional Articulations – Hong Kong
28. Max Hattler – Matter and Motion – Hong Kong
29. Max Hattler – Serial Parallels – Hong Kong
30. Mike Pelletier – Constraint Iteration 1 – Canadá | Canada
31. Mike Pelletier – Constraint Iteration 3 – Canadá | Canada
32. Natasa Teofilovic – autobiography | silence – Sérvia | Serbia
33. nuQ – The last episode – Japão | Japan
34. Paulina Ziółkowska – O Matko! – Polônia | Poland
35. Pedro Casavecchia – Pulsion – Argentina & França | Argentina & France
36. Peter Basma–Lord – Some Cat Slung Over A Meat Hook Decided it Weren’t For Them – Alemanha | Germany
37. Peter Whittenberger – All Possible Futures – Estados Unidos | United States
38. Rachelmauricio Castro – RM-03 – Brasil | Brazil
39. Raven Kwok – Rule 110 – China
40. SaveMe Oh – Save Generosa – Holanda | Netherlands
41. Silvia De Gennaro – Travel Notebooks: Dubai, United Arab Emirates – Itália | Italy
42. Sivan Kidron – KITTONE! – Israel
43. Snow Yunxue Fu – Conjoin (Chapter 2) – Estados Unidos & China | United States & China
44. Susanne Wiegner – Bellevue – Alemanha | Germany
45. Susanne Wiegner – Moments – Alemanha | Germany
46. Thomas Lisle – The shadows strategy – Reino Unido | United Kingdom
47. Timo KAHLEN – / source / ( postfactual ) – Alemanha | Germany
48. Valentina Ferrandes – Victory – Reino Unido | United Kingdom
49. VJ pietrushka – h–in–waiting – Reino Unido | United Kingdom
50. wang/goldman: Jing Wang Harvey Goldman – Uriel – Estados Unidos | United States
51. Weili Shi – The Mars Series – Estados Unidos | United States
52. Xia Han – The Last Watcher – China
53. Yulia Ruditskaya – And the moon stand still – Belarus
54. 解像 – kaizou – emoji and pixel – Japão | Japan

 

 

HIPERSÔNICA

PROGRAMAÇÃO

1. Aernoudt Jacobs – Color of Noise – Bélgica | Belgium
2. Aernoudt Jacobs – Induction Series #4.3 – Bélgica | Belgium
3. Andreas Lutz – Binary Supremacy – Alemanha | Germany
4. Anja Dimitrijevic – Valle delle Sfingi – Itália | Italy
5. Antonio D’Amato – Construction 1 – Itália | Italy
6. Ari Dykier – Imaginarium – Polonia | Poland
7. Caspar de Gelmini – Objects and Cells 4 – Alemanha | Germany
8. chdh: Cyrille Henry Nicolas Montgermont – Deciban – França | France
9. Christoph De Boeck – Floating Beam – Bélgica | Belgium
10. Clemens von Reusner – Anamorphosis – Alemanha | Germany
11. Craca – Brazuka Noir – Brasil | Brazil
12. Costanza Savarese & Lara Genovese – Wonderland – Itália | Italy
13. Davide Tidoni – All Bodies End in Silence – 8 videos – Bélgica | Belgium
14. Dyone Arruda Cypriano – Sonore: música–poesia – Brasil | Brazil
15. Eduardo Nespoli – espectrológica material – Portugal
16. EJTECH: Judit Eszter Kárpáti & Esteban de la Torre – Phase in, Phase Out – Hungria | Hungary
17. Floris Vanhoof – Polyhedra – Bélgica | Belgium
18. Gintas K – Digital Vintage – Lituânia | Lithuania
19. Hannah Kemp-Welch & Lisa Hall – Virtual Voices – Reino Unido | United Kingdom
20. Hugues Clément – a u r o r a – Canadá | Canada
21. Irena Paskali – kadu buvo kadujo – Alemanha | Germany
22. Jean–Michel Rolland – Crepuscule – França | France
23. João Pedro Oliveira – N’vi’ah – Estados Unidos | United States
24. Kenji Kojima – Techno Synesthesia: “Autumn & Winter” Leaves Two Scales – Estados Unidos | United States
25. Kenji Kojima – Techno Synesthesia: “The First Snowfall” November 15, 2018 – Estados Unidos | United States
26. Kenji Kojima – Techno Synesthesia: Spring “Withering Tulips” Three Scales – Estados Unidos | United States
27. Kian Hossein – LUMP for Digital Piano and Live Electronics – Irã | Iran
28. Léa Boudreau – Quatre machines pour sauver le monde – Canadá | Canada
29. Leonardo – CODEX CP: música de la lágrima – Argentina
30. Marco Ferrazza – Projections on an Archetypal Space – Itália | Italy
31. Martha Riva Palacio Obón – Travesía de un átomo a través del éter / An atom’s journey through the ether – México | Mexico
32. Micah Frank – Terraforms – Estados Unidos | United States
33. Molly Joyce Maya Smira – The End – Estados Unidos | United States
34. Osvaldo Cibils – osvaldo cibils en el arte de las perillas (the art of knobs) 2018/2019 – Espanha | Spain
35. Panayiotis Kokoras – Qualia – Estados Unidos | United States
36. Philip Mantione – Disputed Artifacts – Estados Unidos | United States
37. Rafał Zapała – Scrolling to Zero (for organ, electronics and audience) – Polônia | Polland
38. Raúl Minsburg – Ciudades disueltas – Argentina
39. Ricardo de Armas – Cinco danzas para un autómata inmovil – Argentina
40. Ricardo de Armas – La Soberana – Argentina
41. Robert Mathy – Motosc – Áustria | Austria
42. Rodi Punzo – SLO – Semiautomatic Light Orchestra – Itália | Italy
43. Rubén Gil moreno – Tempestades – México | Mexico
44. Sal Moreno – Drumspeak – Estados Unidos | United States
45. Sébastien Béranger – œillitif – França | France
46. Simone Longo – Neutro – Itália | Italy
47. Sofia Rodrigues Barbosa – Narrativa sonora n1 – Brasil | Brazil
48.Sophie Popper – Playing the Keyboard – England | Inglaterra
49. Toru Izumida – Symmetry – Japão | Japan
50. UAU: Larissa Conforto, Luisa Manzin, Lisa Schonberg, Anthony Brisson – Unheard of: Insect 51. Bioacoustics, Percussion and Electronics – Estados Unidos | United States
51. Úrsula San Cristóbal – Astrolabio: A song for two “singers” – Espanha | Spain
52. Úrsula San Cristóbal – Desastres maravillosos (Marvelous Disasters) – Espanha | Spain
53. VOID: Arnaud Eeckhout & Mauro Vitturini – PHONAUTOGRAM – Bélgica | Belgium
54. Yann Leguay – Volta – Bélgica | Belgium

 

VIDEOARTE

PROGRAMAÇÃO

1. Agustín Telo – Red-evoked agitations –Argentina
2. Albert Bayona – Casual sounds and possible melodies,in the Video,Trip_1.Beth Short’s last walk. – Espanha | Spain
3. Andre Fernandes Perim – ID – Brasil | Brazil
4. Ann Oren – BLUE – Alemanha | Germany
5. Ann Oren – THE MIDDLE-SCHOOL SYNDROME – Alemanha | Germany
6. APOTROPIA: Antonella Mignone Cristiano Panepuccia – TIMEPULSE – Itália | Italy
7. Ben Bogart – Through the haze of a machine’s mind we may glimpse our collective imaginations (Blade Runner) – Canadá | Canada
8. Bio Electric Dot Diego Bonilla, Rodolfo Mata – Big Data – Estados Unidos | United States
9. Brit Bunkley – Hambach – Nova Zelandia | New Zeland
10. Brit Bunkley & Andrea Gardner – Garden – Nova Zelandia | New Zeland
11. Bruno Mendes da Silva – Cadavre Exquis – Portugal
12. Carla Pucci – Mónada – Argentina
13. Carmine De Vita, Antonio Reda & Michal Zemel – Onda D’urto – Itália | Italy
14. Cristianne de Sá – Face – Brasil | Brazil
15. Cristianne de Sá – O ponto de linha reta é curto – Brasil | Brazil
16. Cristianne de Sá – Território Inventado – Brasil | Brazil
17. David Carson & Jackson Mouldycliff – The Trip – Circular Video – Austrália | Australia
18. Devis Venturelli – Unframed – Itália | Italy
19. Eirini Tampasouli – I try to have fun at clubs / a diary from Taiwan – Grécia | Greece
20. Evelyn Frosini & Karin Idelson – This strange place in between – Argentina
21. Fabian Forban – Emotional Interfaces and Quantum Capsules – Alemanha | Germany
22. Finn Rabbitt Dove – films you watch when you’re ill – Reino Unido | United Kingdom
23. Fran Orallo – border – Reino Unido | United Kingdom
24. Fran Orallo – death dance – Reino Unido | United Kingdom
25. Fran Orallo – speech – Reino Unido | United Kingdom
26. Gamze Yolal – Data Space – Turquia | Turkey
27. Guli Silberstein – Matter & Light – Reino Unido | United Kingdom
28. Hamza Kırbaş – Recurrence – Turquia |Turkey
29. Hiroya Sakurai – The Stream X – Japão | Japan
30. Ian Gibbins – future perfect – Austrália | Australia
31. Ian Gibbins – Unvoiced – Austrália | Australia
32. IZA – Bliss – Brasil | Brazil
33. Jean–Michel Rolland – Massacre – França | France
34. Jean–Michel Rolland – Traces:Lights – França | France
35. Joacelio Batista Da Silva – Se me rendo, por quê sigo com a cabeça em direção ao muro? – Brasil | Brazil
36. Julian Scordato – Study for a cosmic city – Itália | Italy
37. Julian Brangold – A model of pain in a digital body – Argentina
38. Kailum Graves – Spukhafte Fernwirkung – Austrália | Australia
39. Karoline Georges – Emergence – Canadá | Canada
40. Katie Sadler – Secret Love – Estados Unidos | United States
41. Kuesti Fraun – Moving border – Alemanha | Germany
42. Leoni&Mastrangelo: Francesca Leoni & Davide Mastrangelo – Alzaia(s) – Itália | Italy
43. Lorenzo Papanti – Venus of Forces – Itália | Italy
44. Louis Braddock Clarke – Untangling Noises of Matter – Holanda | Holland
45. Lucrécia Luz – Neurovia Trem System – Brasil | Brazil
46. Marcos Bonisson & Khalil Charif – Kopacabana – Brasil | Brazil
47. Maria Pleshkova – LIMBO – Rússia | Russia
48. Mati Pirsztuk – Reminiscencias – Argentina
49. Max Rothman What’s This One About – Estados Unidos | United States
50. Meike Redeker – Ophelia – Alemanha | Germany
51. Molly Joyce Occhiolism – Estados Unidos | United States
52. Moonth – Crystalline Flow – Rússia | Russia
53. Nacho Recio – A rose behind the mask – Espanha | Spain
54. Paul Wiersbinski – All that dissolves must ascend – Alemanha | Germany
55. Paulina Rutman – Scopeo – Chile
56. Pedro Inock Baptista Rodrigues – Contained Turbulence – Portugal
57. Pamela Breda – The Unforeseen – Reino Unido | United Kingdom
58. Piotr Piasta – Galichka Svadba – Polonia | Poland
59. Przemek Węgrzyn – Scarcity – Polonia | Poland
60. Ronnie Karfiol – War Assistant – Israel
61. Sigrun Höllrigl – NEXUS – Áustria | Austria
62. Steffi Klenz – BEUN – Reino Unido | United Kingdom
63. Stuart Pound – Run version vertical – Inglaterra | England
64. Stuart Pound – “Value” : boolean – Inglaterra | England
65. Stuart Pound – A slower speed of light – Inglaterra | England
66. Stuart Pound – barefoot busker – Inglaterra | England
67. Tiago Vinícius do Nascimento Silva Lima – armazenamento interno 1 / internal storage 1 – Brasil | Brazil
68. Timothy Robert Thomasson – Aquarium – Canadá | Canada
69. Vera Sebert – Liquid Traits of an Image Apparatus – Áustria | Austria

 

LED SHOW

PROGRAMAÇÃO

1. Allison Tanenhaus – Kaleision – Estados Unidos | United States
2. Allison Tanenhaus – Pulsaris – Estados Unidos | United States
3. Allison Tanenhaus – Spectral Groove – Estados Unidos | United States
4. Barry Whittaker – Falling Water – Estados Unidos | United States
5. Barry Whittaker – In All Probability – Estados Unidos | United States
6. Grupo Realidades – Cartometrias Brandas 9200:10.5 – Brasil | Brazil
7. Hernan Roperto – Essay about Concrete – Argentina
8. NØCTUARY – Abstract Symphony – Chile
9. Optika – DUAL – Colômbia | Colombia
10. Silexars: Danilo Guanabara Fernandes – Creation – Brasil | Brazil
11. Sergio Mora-Díaz – Latente – Chile
12. Raquel Meyers – RAIN PART I – [THE OWL] – Espanha | Spain

KHM: Academy of Media Arts Cologne

1. Claudia Wear – Water Wave – Hong Kong | Estados Unidos / United States
2. Hojin LEE – Analog-digital Color – South Korea | Coreia do Sul
3. Hyunju Lee – Singularity – South Korea | Coreia do Sul
4. Jeesoo Hong – Hiroshima Park – Coreia do Sul | South Korea
5. Jiwoo Kim – Let’s Dance – South Korea | Coreia do Sul
6. Juho Lee – Data-Mining – Alemanha | Germany
7. Kristina Bublevskaya & Ana Martinez – A pause – Platurno
8. Kyuwon Moon – Search box – South Korea | Coreia do Sul
9. Lea Sprenger – Window to the Soul – Alemanha | Germany
10. Li-An Hong – Metamorphosis_Digitation – South Korea | Coreia do Sul
11. Lisa Reutelsterz – TEARS.OF.TUNUPA – Alemanha | Germany
12. MARZI – Cloud 2 – Alemanha | Germany
13. Sey Lee – Black dots – South Korea | Coreia do Sul
14. Tania de León Yong – AI. Ay! Ay!– México | Mexico
15. Tom Tautorus – Hell0 – Germany | Alemanha
16. Yuantian Gao – Interface – China

 

ENTRADA GRATUITA

Centro Cultural FIESP
Av. Paulista, 1313, São Paulo
Em frente à estação Trianon-MASP

centroculturalfiesp.com.br

Informações para a imprensa sobre a exposição –

Agência Galo: SP 11 – 3253-3227
www.agenciagalo.com/filenoccbb

Tales Rocha – tales.rocha@agenciagalo.com
Thiago Rebouças – thiago.reboucas@agenciagalo.com