Fran Orallo

The God Of Small Things

FILE 2018 | VIDEOART
Festival Internacional de Linguagem Eletrônica

Abstract:
Vivemos rápido demais para olhar os pequenos detalhes, desfrutar os pequenos momentos; todos os dias são considerados banais, chatos, sem importância, sem apreciar o que torna a vida interessante – aqueles pequenos momentos que temos no nosso dia-a-dia, as pequenas coisas que nos fazem felizes. Minha obra procura mostrar a magia escondida por trás dessas ações diárias normalmente despercebidas. Para tanto, uso objetos corriqueiros aos quais dou vida e alguma magia. Como ilusionista, transformo esses objetos em transmissores de significado, de significado abstrato, em protagonistas da metáfora que supera o dia a dia para entrar no campo da estética. Com o mínimo de elementos possíveis, influenciado pelo minimalismo, e com a pretensão de fazer transcender o comum.
Em “The God of Small Things”, como que por magia, um jarro começa a girar, um jogo ilusionista através do qual um objeto é transformado, ou melhor, deslocado, desaparecendo e aparecendo em telas diferentes, como uma metáfora daqueles pequenos detalhes nos quais prestamos pouca atenção. Através do vídeo, um objeto absurdo, inútil, torna-se protagonista da magia, da ilusão.

Biografia:
Fran Orallo nasceu em Badajoz, em 1979. Em 2001, mudou-se para Valência, onde se formou em Artes pela Technical University of Valencia (UPV). Durante este período, se mudou para o Bordeaux College of Art em Bordéus (França) com uma bolsa Erasmus no segundo semestre de 2004/05 e participou de diversas mostras coletivas organizadas pela universidade. Atualmente reside em Glasgow, Escócia e sua obra vem sendo apresentada em diversas exposições, bienais, feiras e festivais internacionais em mais de 30 países. Suas peças constam em vários catálogos publicados por diferentes instituições.